Arquivo | meu estilo de vida RSS feed for this section

Reformando com … Am♥r!

9 dez

Eu sempre gostei de reformas,   sempre tive um olhar para achar potencial em algo que já estava no lixo ou que talvez alguém fosse jogar fora , eu ia lá e já catava!

Agora então…  esta aptidão anda um pouco “exarcebada”, hehe!Estou com vários projetos em andamento , claro que depois eu mostro!

Achei o blog Casa de Colorir e pronto, ameiiiii, a Thalita dá dicas de decoração pé no chão e pequenas reformas bem legais que com certeza dão super certo e revalorizam o velho transformando numa coisa nova.Como eu gosto de coisas alternativas é um prato cheio!

Muitos de meus projetos  ficavam somente nas intenções, e não saiam do papel, mas desta vez , eu precisava de algo legal e barato para meu Atelier.

Reciclar é mais uma das habilidades que herdei de minha mãe, ela reaproveitava tudo. E fui crescendo no meio de muitas adaptações que ela teve de fazer após  a separação!

Quero mostrar o armário-estante que achei  na esquina, no hortifruti perto de casa, estavam vendendo ou iam jogar fora, comprei por apenas R$ 30,00! Podem dar 3 piruetas no ar! rsrsrsrs

Para reformá-lo eu gastei:

  1. R$ 20,00 de madeira pra arrumar um dos lados que estava com uma emenda horrorosa ( eu mesma fiz o serviço)
  2. R$ 15,00 de latinha de tinta branca ( apliquei 3 demãos)
  3. R$ 50,00 de tecido (R$8,00 o metro  do  poá) mas que serviu pra outras coisas ( depois eu mostro)
  4.  R$ 15,00 lixinhas,  cola branca e rolinho  que também foram e vão ser usados em outros projetos.

Fiz decoupage com tecido no fundo e nos arcos fazendo  um coordenado! Tive a maior sorte desta vida achando 5 metros de tecido com a cor exata das rosas da estampa floral ( e não foi de propósito) , como só tinha 5 metros, achei melhor levar tudo para fazer outras composições depois.

Aqui tem o processo antes e depois pra vocês acompanharem como era o moço antes da transformação!

E aí gostaram?

O cachepot que está ao lado do puff também foi achado no lixo, era cru e eu pintei de branco e fiz a toalhinha pra jogar em cima , ali dentro ficam alguns tecidos mais  rústicos, dentro da caixa de frutas  ficam os papéis de seda das embalagens da Loja e algumas revistas, vou por rodinhas nele em breve, a tampa foi reaproveitada de um baú de brinquedos que havia quebrado.

O quadro de fotos acima da estante  “catei” da casa de  minha tia e o resto é  Coisa fofa da Borbolet’s.

Em breve outras coisinhas  que reformarei durante as férias. ( férias? que férias????!)

E a grande novidade é que a dona do hortifruti já me disse que tem outro destes lá me esperando… e aí eu pego ou não? rs

Fuiiiii correndo….. uhauahuahuahuahua!

Festejar é sempre bom!

22 out

Tenho menos de 10 dias para fazer uma festinha para a filhota… completará 7 anos dia 01-11, resolvemos fazer uma coisinha pra ela, para chamar alguns amiguinhos e familiares, será uma festinha pequena, só pra não passar em “branco”.

Já faz um tempo que venho querendo fazer um Picnic, mas sempre fico adiando, a comemoração ia ser no Horto da cidade, lugar lindo, área verde e playground com mesas, mas como anda chovendo muito decidi que seria melhor mesmo fazer em casa.

Pesquisei muito com nossas colegas americanas  e colhi muitas idéias bacanas, depois de selecionar  muito, comecei a produção de alguns ítens  em papel.

Como nada que a gente aprende é perdido, coloquei em prática as aulas de scrapbook digital (2005), as aulas de design gráfico(2008) e mais uma pitada de amor(all the time) para fazer os impressos da festinha!

Utilizei alguns vetores disponibilizados na net, como a caixinha de pipoca, background de grama verde, xadrez vermelho, textura de cestaria, formigas, sanduíches, melancia, flores e alguns moldes que tive de repaginar. 🙂

Foram vários dias sentada aqui  trabalhando e imprimindo, o que me custou uma dorzinha chata nos ombros, mas tá valendo a pena… hehe!

De presente para quem gosta de festejar e é adepta do Faça você mesma como eu, stou disponibilizando o vetor da caixetinha de doces que fiz… o vetor poderá ser usado com qualquer imagem de fundo, é só seguir as explicações, mas para isso você devrá ter o Corel Draw e entender um pouco de design gráfico.

A impressão deve ser feita em papel mais firme 240g aqueles que compramos para convites e cartões em papelarias, formato A4 e impressora boa 🙂

Não é difícil 😀

Espero que gostem… eu usei o backgound para meu tema: cestaria e pano xadrez com formigas, mas vocês poderão usar bolinhas, imagens e outros backs legais, inclusive fotos se quiser a foto no fundo deverá ser redimesionada antes de aplicar, ok?

clique na imagem para baixar todos os arquivos

Túnica versátil

18 maio
Semana passada foi a semana das roupitchas… 😀
Tem mais  no flickr .
Meu segundo desafio foi modelar uma túnica versatil… tipo 2 em 1!
Fiz em malha viscolycra radiosa ( da boa) que não dá bolinha…Fiz com decote U e manga 3/4 que adoro… acho que alonga o braço “fofinho” e é meia estação… ótimo para locais com ar condicionado e que ventam muito como aqui… ela sendo mais compridinha ( abaixo do bumbum) deixa a silhueta mais fina e disfarça bem  o que precisa.

Soltinha  fica show com meia calça grossa e salto ou com leg e calça jeans justinha.Um colar meigo de pérolas ou lacinhos dá um ar romântico moderno…
Mesmo estando usando 44 não acho roupas legais que  fiquem confortáveis em mim… além de confortáveis, que fiquem bonitas e que sejam bem feitas… e notem que mesmo sendo estampada, ela não  deixa a gente gorda porque é suave e espalhada… odeio aquelas estampas enormes… que mais parece uma confusão … já repararam que as lojas só fazem este estilo pras cheinhas?
Isso deixa as  cheinhas mais PLUS do que já são…

Vista G, mas um G de GOSTOSA  enão G de grande!
Fazfavô né? rs

coisas que eu gosto…

14 maio

eu nunca falei… mas eu simplesmente amo ilustrações de livros infantis… acho que é porque meu estilo de desenho é este, meio doodle… ou seja desenhos rápidos feitos à mão, gosto de traços retos e representações gráficas das coisas!

quando o ano começa fico sempre na expectativa de ver os livros de meus filhos, as ilustrações, as pinturas aquareladas… simplesmente adoro ver a paginação , o layout e a beleza e simplicidade das histórias!

hoje tive o prazer de conhecer o trabalho de um artista chamado Stephen Micheal King, que se tornou deficiente auditivo aos nove anos e de um aluno exemplar começou a ter dificuldades escolares… mas foi se destacando  em artes e expressando seus sentimentos e palavras através de seus livros.

Stephen cresceu em um subúrbio de Sydney e desde pequeno já gostava de desenhar. Enquanto muitas crianças deixaram para trás a vontade de desenhar, para Stephen era, além da essência da vida, uma das poucas maneiras que tinha de expressar-se, uma vez que, por volta dos nove anos, ele começou a ficar surdo.

o site é lindo… totalmente lúdico e fofo… e os livros estão no Brinque-book, gostaria de salientar que não estou recebendo nadica de nada pra falar bem do cara e nem dos livros dele… estou falando por que gostei de coração do trabalho… belíssimo e delicado!

fica a dica!

vale a pena ler mais no site dele e conhecer a história do autor… suas ilustrações lindas e meigas.

coisa boa de se ver… valeu a pena hehe! 😀

Desafio de Costura

11 maio
Vestido floral, upload feito originalmente por Borbolet’s© by Danny Barros.

Decidi que vou voltar a fazer roupitchas pra mim… 😀

E o desafio deste mês doi modelar e costurar um vestido floral com decote V e manga 3/4 em viscoelastano.

Na verdade iniciarei dia 23 de maio um curso de 10 dias de Modelagem pelo Senai-Cetiq com apoio do Sebrae, e estou ansiosa… em voltar a fazer minhas modelagens, coisinhas que desenhava desde pequena…e continuo desenhando! 😀

E aí gostaram?

Tem mais fotos em meu Flickr, no próximo vou decotar mais! 😀

Adorooooo um decote!

Coelhinhos com bombons

22 abr

Gentem , muito tempo sem vir aqui né?

Pois é… novos projetos… muitas coisas e afazeres e etc e tals…

Administrar tudo e fazer tudo ficar lindo não é moleza não , mas eu amooooo!

Enfim… vim mostrar os coelhinhos gulosos que fiz para as professoras das crianças… elas amaram… tinha recheado com confetes, mas não ficou legal… resolvi colocar bombons… cabem 5 ou 6 bem arrumadinhos… vale a pena, é relativamente barato e causa um ótimo efeito… colei os olhinhos e o fucinho pois estava com pressa, mas o ideal mesmo é pregar os botões… fica melhor!

Tem mais fotos no meu Flickr.

Quero desejar a todos uma linda Páscoa, de renovação de seus valores internos, de renovação moral e ética, independente de crenças religiosas…

Um apelo a sermos mais humanos e solidários… a termos mais compaixão com nosso semelhante e fiel a nossa fé…

A vida tem jeito , basta que mudemos primeiramente a nós mesmos, seguindo o exemplo de Jesus… que com seu olhar puro e simples nos deu o maior exemplo de amor aos seus semelhantes…

Fiquem com Deus… e lembrem-se a verdadeira mudança começa de dentro pra fora…

Abraços e sejam felizes 😀

Danny

A volta da magrela

18 mar

porque… eu adoro pedalar!

Aprendi a andar de bike já meio grandinha com 9 anos… no pátio do prédio onde morava em Niterói lá pelos anos de 79, me lembro bem da bike de meu vizinho Adriano, era uma Caloi branca e do nada… sentei e comecei a andar… foi a glória! Como me lembro daquela sensação!

Depois que voltamos para Campos, apesar da topografia da cidade ser 100% favorável (planície ) ao uso das magrelinhas,  minha mãe não tinha grana pra comprar uma bike para nós, depois da separação de meus pais, voltamos a morar na cidade de origem e com uma mão na frente e outra atrás… minha mãe que nunca havia trabalhado na vida, estava diante de um mundo totalmente novo e desconhecido…  com dois filhos pequenos e sozinha!

Enfim… voltando as “magrelinhas”, depois de nos restabelecer na cidade novamente, minha mãe comprou uma Monareta laranja (usada) que usava para ir ao trabalho todos os dias (em 83) nesta época ela já havia  conseguido um emprego público através de um concurso… mas como fazia parte do apoio da escola, ganhava pouco e mais uma vez… a bike era para transporte e não para o lazer.

A gente ( eu e meu irmão) usava de vez enquando até ela poder cumprir a promessa de dar uma novinha em folha pra gente… foi assim que ganhei a minha primeira Caloi Ceci Rosa (mesmo assim usada) e foi nela que  eu ia para a escola ( 2º grau) todos os dias, com sol ou com chuva, na minha época não tinha ônibus de graça para estudantes como hoje tem aqui na cidade… e quando o pneu furava eu tinha de ir de busu com passe-estudantil (50% mais barato) ou a pé mesmo … caminhando e cantando! rs

Eita dureza, mas valeu a pena hehe!

Ai, sim depois de estar bem grandinha e já trabalhando… eu comprei minha Mountain Bike da marca Monark, foi a glória ( vou procurar a foto  que tenho e por aqui), pedalava aos montes e ia a tudo quanto era lugar com a minha magrelinha… e eu era também bem magrela na época…rsrsrsrs  aos 18 /19 anos e começando a trabalhar eu ia para o trabalho todos os dias,  academia, ia ao clube, ao centro da cidade , a casa de minhas amigas e não ficava a mercê dos ônibus lotados e vagarosos!

Depois que me casei… dei a bike para meu irmão, pois maridovisk tinha carro, na época da Faculdade de Odonto minha mãe havia comprado um Fusca 76 que deixava comigo e acabei me acostumando ao volante… a bike vermelha ficou velha e nem sei onde foi parar, meu irmão também se livrou dela… já tinha dado tudo…

Agora… não necessariamente nesta ordem : por necessidade de fazer exercícios ( pois estou bem acima de meu peso ideal para minha idade) e de quebra não usar o carro para pequenos percursos estou  muito animada a voltar a andar de bike pela cidade… o correio é relativamente longe para caminhar e perto para ir de carro… um desperdício de gasolina, emissão maléfica de gases e ainda por cima facilita o acúmulo de gordurinhas indesejáveis na região abdominal… da moça ( tá…nem tanto) que vos fala…

Pensando nestas coisinhas todas (muitas) e na saudade que sinto em voltar a andar de bike, em algumas semanas estarei comprando uma novinha em folha pra mimzinha u-huuuuuuuu( leia-se gritinhos histéricos) não será nenhuma bike dobrável , elétrica ou que custam os olhos da cara , não quero “postatus” em relação ao objeto adquirido por ter comprado esta ou aquela marca VIP, quero  até uma bem baratinha, pra poder desmontar e customizar de meu jeito fazendo dela a “minha bike”, tenho visto idéias geniais! Só preciso de um bom montador, ou seria re-montador de bicicletas para realizar minhas “pequenas loucuras”.

E vocês lembram de meu projeto Crafty Bike?

Idéia 1 – olha que fofaaaaa e olha estas outras!

Além da customização da bike , ando pensando em vários acessórios “cutes” para minha magrelícia… hoje  navegando por aí… achei a Ana Vivian com seu  tuto “espetacular” de uma bolsa para cestinha…  nem precisa falar que ameiiiiiiiiiiii… e antes que façam por aí e não  digam da onde viram… eu já disse aqui e os créditos é todo dela… rs .Valeu Aninhaaaaaaaaaaaa! E por falar na Ana, ela casou e foi de bike…vale muito a pena ver  como ela fez e preparou tudinho para suas bodas no estilo DIY… maravilhaaaaa!

As crianças já estão me “perturbando” pra comprar uma com “garupa” para levá-los aos meus passeios… perto de casa inaugurou uma nova avenida ( nem sei de quantos kilômetros) que liga meu bairro ao outro ponto da cidade… com ciclovias… dá pra pedalar com tranquilidade e ainda se exercitar. Quer melhor?

Ainda existe um preconceito enorme por parte das pessoas quanto ao uso das bicicletas,  principalmente aqui na minha cidade, onde é considerado “desprovido de recursos financeiros ” ( vulgo “sem-grana” ou se preferir “os sem-carro”) quem anda de bike e a usa para ir ao trabalho.

Mas como ando pesquisando modelos, preços e estilos de bikes, vejo que a cabeça das pessoas anda mudando bastante…pelas questões ecológicas e por questões de mais qualidade de vida… para nós e para o meio ambiente.

Um carro a menos nas ruas… logo após os comerciais! rsrsrsrsrs

Sites/blogs bacanas que achei: Será atualizado  toda vez que encontrar algo bacana, ok? Esta lista vai aumentar.

Pedalinas

Vá de bike

Domingueiras bike blog

Transporte Ativo

Bicicletada

Pedalante

E 10 dicas pra queme stá começando a pedalar ou re-começando feito eu!

e dentro deles tem um monte de referências legais…  espero que tenham gostado… em breve posto as minhas novidades!

 

De volta à rotina!

12 mar

Passadas as festas de Momo e cia… agora é colocar as fantasias de volta no armário e recomeçar o ano que foi interrompido pelo Carnaval… é gente já se passaram 3 meses e o ano ainda nem começou para alguns!

Segunda recomeça a rotina de escola, casa, atelier, loja, emails… etc, etc… as vezes penso em  tirar a minha roupa de Mulher Maravilha Tupiniquim e chutar o balde!

Mas… porém, contudo, entretanto… não posso né, senão a casa cai! Fico imaginando porque Deus quis criar as mulheres com tantos “superpoderes”… mas isso deve ter um motivo muito , muito bom! Vamos aguardar!rs

Enfim, voltando…  começou hoje a feira Craft Design em sua 18ª edição… vai até terça dia 15 em Sampa, eu queria muito ir, me cadastrei, separei a documentação para ir visitar, mas acho que não vai rolar… muito em cima, logo depois do carnaval , minha querida casa está de cabeça pra baixo e segunda começa a rotina escolar. Não sei não… mas tudo pode acontecer!

Meu carnaval foi tranquilo, choveu todos os dias na praia, nem molhei o pé na água salgada desta vez.. minha família foi quase toda, faltando meu irmão  e a familia dele ,  pois estava  trabalhando, a Família Buscapé carinhosamente apelidada por amigos,  deu conta da animação mesmo com a chuva fina insistente…

Fizemos abadás para  sábado e domingo… e segunda o Bailinho de Carnaval de meu  filho do meio que fez 8 anos! Com direito a fantasias, batuque na rua  e tudo!

Valeu a pena hehe, mas confesso que na terça não via a hora de acabar… estava  literalmente acabada… e com saudades de minha casa!

Eu voltei… e cheia de idéias… agora é por a mão na massa, ops, nos tecidos!

Vamo que vamo , ao infinito e além!

Cursos de graça…

25 fev

Uma amiga do Facebook deu a dica e eu fui conferir.

Me inscrevi no curso grátis da Fundação Getúlio Vargas que fala sobre Marca, produtos e serviços, o curso é bem conceitual, mas dá pra dar uma clareada em alguns pontos importantes para quem desenvolve algum tipo de produto para venda ou pratica serviços ao consumidor.

Para quem tem negócios e quer aprender mais um pouco vale a pena Hehe!

Cada etapa é conceituada de forma bem prática e resumida, de fácil entendimento… só achei que os conteúdos poderiam  voltar de onde paramos, mas não, voltam ao início , mas é só você ficar ligada em que unidade estava antes e continuar dali mesmo.

O próximo curso será o de Relevância das questões ambientais, este ainda não comecei… calma, uma coisa de cada vez! 😀

Ando particularmente muito interessada em sustentabilidade  e nas ações que podemos realizar em nossas vidas em relação ao nosso meio ambiente, somos parte do TODO , E O TODO faz parte de nossas vidas… precisamos de água, sol, ar fresco para sobreviver…ou não?

Então acordaaaaaaa! Helloooooô!

Andei vendo uns filmes* nas sessões de DVD na praia, que me arrepiaram até a raiz dos cabelos, claro que com aqueles truques Hollywoodianos todos, mas que no fundo tem um Q de verdade… se não abrirmos o olho e praticarmos ações simples como recolher o coco que tomamos na praia e jogá-lo na lixeira bem na nossa frente, ou se preciso for … carregá-lo alguns metros pela areia…o bicho vai pegar!

Isso é legal! Comece pelo simples… recolha seu lixo quando estiver na praia ou no parque!

Parece chover no molhado, mas não, tem muita gente que NÃO ESTÁ NEM AÍ PRA ISSO… considero isso falta de cultura e informação… ou ignorância mesmo caso prefiram resumir numa única palavrinha.

Minha mãe era pobre mas me ensinou a ser “limpinha”. Vamos acordar meu povo! Eduquem seus filhos para o futuro!

 

Filmes *O  livro de Eli (paradoxal demais e puerento (risos)) e O Apocalipse (não gostei dos efeitos, enredo fraco)

Empreendendo…

24 fev

… minhas considerações pessoais.

Ser empreendedora não é nada fácil… mas na verdade somos movidas a uma busca interna de nossos objetivos que nem sempre tem a ver com a questão monetária… é difícil quem está de fora deste processo captar isso.

Ontem li dois posts em diferentes blogs que me motivaram profundamente neste momento em que estou, a constante perguntinha da consciência que me faço todos os anos: Estou no caminho certo? …um post foi no blog da Lu Gastal que dá sempre dicas de gestão,  ao meu ver uma mulher totalmente desprendida, confiante e que quer compartilhar suas experiências com todas as mulheres que puder… e consegue… na leveza das palavras, nas vírgulas sinceras e no carinho em cada ponto de seus posts.

“Existem dois momentos importantes na vida de uma pessoa.
O primeiro é quando ela nasce.
O segundo é quando ela descobre para que veio ao mundo.”

 

Ela criou seu negócio,e claro que não foi da noite pro dia… tudo é um processo,, e lá ela conta tim tim por tim tim…rs  fez escolhas que mudaram sua estrada, e o empreendedor é isso… não tem medo de se doar, de compartilhar experiências e não tem medo de mergulhar fundo em seus objetivos… priorizando o que o faz feliz e de quebra faz a outras pessoas também!

Fico aqui imaginando o grupo que trabalha com ela lá em Porto Alegre… mesmo sem querer as good vibes delas chegam até a mim só de imaginar… e isso é muito bom, o mundo precisa de pessoas felizes e despreendidas. Parabéns a Lu Gastal pelo seu empreendedorismo motivador… pra falar a verdade eu estava mesmo precisando de motivação, hehehehe ! 😀

O outro post foi no blog Assim, sim – handmade business que vale muito a pena acompanhar, conheci recentemente e já virou minha consulta diária… como podem ver não sabemos tudo, eu aprendo todos os dias, leio, vejo, observo, podemos saber mais se juntarmos forças… eu fico encantanda com tanta coisa boa que anda acontecendo por aí… tem muita gente boa reunida num objetivo único : compartilhar experiências… trocar informações e idéias. Muito , muito bom!

Acho isso tudo muito legal… e nos dias de hoje difícil de encontrar… adorei o post da Thiara Ney dona da Tuty que fala sobre o conteúdo grátis e a satisfação pessoal. É bem por aí…é o que eu sentia quando compartilhava meus  tutoriais de costura ( faz tempo que não faço um tuto) aprendi  com minha saudosa mãe, que se estivesse comigo hoje estaria muito feliz por tudo que já conquistei.

O empreendedor precisa desta injeção, precisa alimentar seus sonhos  dividindo , repartindo, se comunicando… não é fácil aos que estão de fora ver que isso é natural em quem empreende… é uma satisfação pessoal que dindin nenhum paga… eu me deparei com estas conclusões muito tempo depois… eu era assim e não sabia que era… rs

Por isso, ainda é tão difícil minha família aceitar o fato de eu não estar mais clinicando e sim fazendo algo com brilho nos olhos, com metas e colocando pra fora quem eu sou de verdade… todos os anos eles me perguntam : Quando voc?ê vai voltar pro consultório???? (risos)  é complicado expor aos outros o que você sonha não é o sonho deles… e sim o SEU SONHO.

E com estas todas informações eu chego a seguinte conclusão: é seu… SONHE… vá em frente, siga adiante… muitas pedras, muitos muros , mas todos  os obstáculos tem um único objetivo… o de tornar mais forte e segura do que você quer para si mesma e para quem te rodeia.

É isso aí… eu precisava falar… meninas obrigada pelo divã… rsrsrsrsrs